O Comércio do Porto

Num período em que deixou de haver papel para a tinta correr, os jornalistas e demais trabalhadores de O COMÉRCIO DO PORTO encontram neste espaço a via para o exterior, por forma a manter viva a alma do jornal mais antigo de Portugal continental. Envie as suas mensagens para comercio151@hotmail.com

quarta-feira, agosto 03, 2005

Uma questão de mercado

Há por aí um post que diz o seguinte: "Apresentação da lista do PSD/CDS-PP para a CMP, amanhã (5ª feira) às 11h na sede de campanha na Avenida dos Aliados". Ora aí está uma boa altura para os portuenses agradecerem ao Rio o prestimoso contributo que nos deu quando disse que não ia mexer uma palha para evitar a suspensão d' O COMÉRCIO. Realmente, um património cultural e social da cidade não pode merecer mais, por parte do seu representante máximo, do que a seguinte resposta: "Deixem o mercado funcionar".

PS: Neste caso mercado não é escrito com maiúscula já que não me refiro ao do Bolhão... Aí as posições invertem-se...

1 Comments:

  • At 03 agosto, 2005 21:29, Blogger Ricardo Salazar said…

    A propósito do post de Sérgio Almeida Soares e do não perceber porque a cidade do Porto era invicat...

    A cidade era, agora não é invicta. O Porto era contra-corrente, era - como se dizia no blog avenida dos aliados - a praça nova que fazia tremer Lisboa.

    Agora é uma cidade a "vindictar".
    Que se vingue o Comercio do Porto. que se vingue o Mercado do Bolhão, que se vinguem todos os erros, fascismos, arrogâncias e outros atropelos.

    Estou farto de "homo superior".

    P.S. vou de férias e parece-me que amanhã não irá haver almoço na D. Virginia.

    Cães.

     

Enviar um comentário

<< Home