O Comércio do Porto

Num período em que deixou de haver papel para a tinta correr, os jornalistas e demais trabalhadores de O COMÉRCIO DO PORTO encontram neste espaço a via para o exterior, por forma a manter viva a alma do jornal mais antigo de Portugal continental. Envie as suas mensagens para comercio151@hotmail.com

domingo, julho 31, 2005

O "Comércio" ainda mexe

A rotina mantém-se. No fim do almoço, apanho o metro. Saio na estação do Bolhão. Passo apressado. Lá vou eu até ao 352 da Fernandes Tomás. O elevador pára no 1º andar. Um "boa tarde" à entrada. O passo continua apressado. Sem parar, estico o braço para agarrar o "Comércio". Não está lá...Como não está nas bancas... Como pode o nosso "Comércio" não estar nas bancas?
Acho que ainda não acordei do pesadelo. Acho que ainda ninguém acordou. Não acordaram os colegas e amigos, não acordaram os leitores, não acordou a cidade.
Ainda há pouco o telefone tocou. "Comércio do Porto, boa tarde", atendi instintivamente. Do outro lado uma voz conhecida a avisar que amanhã há reunião de uma Câmara Municipal. A Conferência de Imprensa é às 15h.
Amanhã não haverá agenda. Não serão marcados serviços. Ainda assim, continuo a olhar para o fax, a espreitar o e-mail.
Assim como para a tal voz amiga, que tantos domingos nos ligou a avisar, também para mim e para todos os que aqui "ainda" trabalham...o "Comércio" permanece vivo!Ainda mexe!
Obrigada a todos por me terem ensinado tanto...

2 Comments:

Enviar um comentário

<< Home