O Comércio do Porto

Num período em que deixou de haver papel para a tinta correr, os jornalistas e demais trabalhadores de O COMÉRCIO DO PORTO encontram neste espaço a via para o exterior, por forma a manter viva a alma do jornal mais antigo de Portugal continental. Envie as suas mensagens para comercio151@hotmail.com

segunda-feira, agosto 01, 2005

Força, camaradas!

... E eu ontem deitei-me a chorar, com a última edição do COMÉRCIO nas mãos. Estive a embebedar-me até amanhecer e até haver jornais numa estação de serviço. Apesar de, certamente, não ter sofrido tanto como a maior parte da malta, porque ia pouco à redacção e só trabalhava para o COMÉRCIO há um ano e nove meses, senti muito este golpe. O ambiente que aí encontrei sempre foi excelente e a qualidade do trabalho colectivo orgulha-nos a todos.Força, camaradas!

Enviado por: José Carlos Gomes

5 Comments:

  • At 31 julho, 2005 18:54, Anonymous Anónimo said…

    Camarada, não é pelo tempo mas pela qualidade do teu trabalho que estiveste connosco. Viva o "che" de Ermesinde :)
    AB

     
  • At 31 julho, 2005 22:18, Anonymous afonso salgueiro said…

    "Zé Carlos só o conheço pelas palavras que tecla...mas gostaria de lhe deixar um abraço de solidariedade.
    Às vezes quando se fecha uma janela abre-se uma porta...boa sorte".

    estas foram as palavras que deixei no blog do Zé extensíveis a todo o pessoal do Comércio e d'A Capital

     
  • At 01 agosto, 2005 02:13, Anonymous Anónimo said…

    se calhar era por haver "ches" a mais que essa cena faliu

     
  • At 01 agosto, 2005 09:23, Blogger AM said…

    Meus amigos

    Um grande abraço de solidariedade.

    Até sempre.

    António Moreira

     
  • At 01 agosto, 2005 13:26, Anonymous Anónimo said…

    Este Rogério Gomes é o mesmo que trabalhou com o Manuel Tavares para um jornal, a seguir ao 25 de Abril, patrocinado em Potugal pelo dinheiro do ditador Kadafi?

     

Enviar um comentário

<< Home